Emoções e Ciência por Samira Turconi

Bioquímica, secretária da Associação Médico-Espírita (AME) da Serra gaúcha. Conferencista nacional e internacional, aborda temas da atualidade à luz da ciência e da espiritualidade.

Editoria
Emoções e Ciência

Articulistas: Emoções e Ciência por Samira Turconi

Renovação moral que o planeta requer

O progresso intelectual realizado até hoje, nas mais vastas proporções, é um grande passo e marca a primeira fase da Humanidade. Porém ele, só, é impotente para regenerar. Enquanto o homem for dominado pelo orgulho e pelo egoísmo, utilizará sua inteligência e seus conhecimentos em proveito de suas paixões e de seus interesses pessoais.

Somente o progresso moral pode assegurar a felicidade do homem na Terra, pondo um freio nas paixões, e só esse progresso pode fazer reinar a concórdia entre os homens, a paz e a fraternidade. É ele que destruirá barreiras entre os povos, que fará caírem os preconceitos de casta e calar os antagonismos de seitas, ensinando aos homens se olharem como irmãos chamados a se entreajudar e não a viverem uns às custas dos outros.

É ainda o progresso moral, após o progresso da inteligência, que conduzirá os homens na mesma crença, estabelecida sobre verdades eternas, terminando com o antagonismo religioso que divide os povos e as famílias, que fazem ver no próximo inimigos dos quais é preciso fugir, combater, exterminar, em vez de irmãos que devem ser amados.

Hoje, a Humanidade encontra-se madura para lançar suas vistas para mais alto do que o fez. A geração que desaparece levará consigo seus preconceitos e seus erros e a geração que surge, temperada numa fonte mais depurada, imbuída de ideias mais sãs, imprimirá ao mundo o movimento ascensional, no sentido do progresso moral, que deve marcar a nova fase da Humanidade. Essa fase já se revela por sinais inequívocos, por tentativas de reformas úteis, por ideias grandes e generosas. É assim que vemos fundar-se uma grande quantidade de instituições protetoras, civilizadoras e emancipadoras, sob o impulso e por iniciativa de homens evidentemente compromissados com a obra de regeneração.

Desencarnações coletivas, tragédias ambientais, lutas e desafios, intenso processo de corrupção e violência, tudo isso denota os chamados “sinais dos tempos”, desafiadores para uma consciência mais madura, que mais podem ser chamados de desesperos finais dos que teimam em permanecerem indiferentes aos chamados do Céu para a renovação moral que o planeta requer.

Não há pois o que temer. Mas há, sim, necessidade de tomarmos consciência da renovação interior para merecermos permanecer no planeta que se modifica para melhor, onde uma nova ordem social que gradativamente se implanta com a chegada e presença de Espíritos mais lúcidos e conscientes do bem, que promoverão o planeta para a era de regeneração.

comentários

    Seja o primeiro a comentar!

notícias relacionadas

07/01/2018 Emoções e Ciência O segredo das pessoas felizes
Compartilho com os leitores texto assinado pela escritora Socorro Acioli, cujo título é "Sobre os…
07/01/2018 Mentoria Discipline-se para ter foco
Hoje vamos falar sobre foco. Quantas vezes você já se deparou em uma situação…
22/12/2017 Mascotes Magia do Natal para os pets
Se Natal é época de reunir a família - e os pets já fazem parte dela - nada…
20/12/2017 Saúde e Beleza Produtos antioxidantes combatem os danos da poluição
A poluição atmosférica é uma preocupação mundial devido à industrialização…